Descubra as ferramentas tecnológicas necessárias para vendas online


Em painel digital da Turismo Compartilhado, o diretor da Lively, Arnaldo Faissol, explicou os recursos que uma empresa de multipropriedade necessita para comercialização pela internet

  • Fábio Mendonça


Com a paralisação das salas de vendas, por conta da pandemia da Covid-19, muitas empresas atuantes no mercado de multipropriedade encontram a solução da comercialização pela internet para continuarem a vender seus produtos. Mesmo com as reaberturas graduais das salas de vendas, o processo de vendas on-line deverá continuar a crescer.


O sistema de comercialização pela internet exige que a empresa tenha muitas ferramentas para funcionar perfeitamente e ter o resultado almejado. Em painel digital realizado pela Turismo Compartilhado, no dia 15/06, Arnaldo Faissol, diretor da Lively, empresa atuante no segmento de vendas digitais de multipropriedades, detalhou a utilização tecnológica necessária. Ele explicou que a venda on-line é uma venda multicanal e necessita de várias ferramentas


A primeira indicação de Faissol é um bom sistema de CRM. A Lively utiliza o Hubspot, mas ele indicou outros no mercado, como o Piperfy, Piperdrive e o RD Station, que é uma ferramenta nacional.


Depois, outro sistema necessário é um para automação de marketing. ‘’Permite que se automatize campanhas de e-mail, mensagens através de mídias sociais, de blogs, landpages, postagens, tudo que for necessário para ter uma relação constante com seu cliente em diversas mídias’’, explicou Faissol. A Lively utiliza o Hubspot, mas há outros bons, o RD Station, Chatspin, entre outros.

Para as transações é necessário uma solução de assinatura de contrato digital, como o Clicksign, Docsign, Contractors, etc. ‘’ É uma novidade no mercado imobiliária, pois o registro digital está reconhecido pela Associação Nacional de Cartórios, então são validos judicialmente, o que permite uma segurança jurídica para a compra digital’’, salientou o diretor da Lively.


Os meios de pagamentos utilizados são os mesmos para a venda presencial: boleto e cartão de crédito. Mas há uma novidade, recentemente o Whatsapp anunciou que começará a receber pagamentos também.


‘’ E precisa ter uma capacidade tecnológica de integrar todos esses sistemas em uma solução única, e um conhecimento grande de como as mídias sociais funcionam’’, afirmou Faissol.


Ferramentas para profissionais de vendas


Os profissionais que desejam realizar vendas online também devem ter algum conhecimento de sistemas e tecnologias. A primeira recomendação de Faissol foi colocar-se bem profissionalmente em qualquer mídia, seja Whatsapp, Instagram ou Facebook. ‘’Criar uma persona digital, que permita compartilhar conteúdo para educar os clientes’’.


Em relação às ferramentas, o profissional terá que ter um domínio de ferramentas de vídeo conferencia, como Zoom, Google Meet, Skype, entre outras, e ter um CRM pessoal, para gerenciar sua carteira.


Para o atendimento, os equipamentos necessários são: smartphone, boa internet, notebook, microfone e câmera. ‘’Não recomento utilizar o celular para atendimentos digitais. É muito importante ter um ambiente de trabalho com uma boa câmera, bom microfone, notebook, não dá para fazer tudo pelo celular, pois não passa uma imagem profissional’’, disse o diretor da Lively.


‘’E força de vontade, o resto acaba vindo. Quem se esforça todo dia acaba colhendo vendas e leads, na multipropriedade não é diferente’’, finalizou Arnaldo Faissol


Além de Arnaldo Faissol, o painel digital de Vendas Online, teve participação de Cristiano Vieira, da Surfland Brasil, e Vinícius de Sá Barboza, da PropriedadesCompartilhadas.com. O vídeo do painel pode ser assistido logo abaixo:


#vendasonline #turismocompartilhado #lively #multipropriedade #tecnologia

LOGO TC CDR W.png