Fabrício Marques vende suas participações na Incorpore e Resort do Lago Park


Empresário planeja novos investimentos no segmento de multipropriedade turística em breve

Da direita para a esquerda: Antônio Ires (Tunico), Marcelo Torquato e Fabrício Marques

O empresário Fabrício Marques, fundador da Incorpore Soluções (atual Incorpore Share) e sócio do empreendimento de multipropriedade Resort do Lago Park, em Caldas Novas/GO, anunciou que vendeu suas participações nas duas empresas por R$ 9 milhões.

A transação aconteceu em agosto de 2019, mas apenas agora pode ser divulgada. Os compradores das partes de Fabrício Marques foram os atuais sócios da Incorpore: Antônio Ires (Tunico), Marcelo Torquato e Marcos Jorge.

A Incorpore foi idealizada por Fabrício Marques em 2017, sentindo que o segmento de multipropriedade precisava de uma empresa que oferecesse uma solução completa do negócio. O empreendimento Resort do Lago Park foi adquirido pelo empresário também em 2017, quando se chamava Laguna Resort. Em poucos meses, após assumir a gestão e mudar o nome para Resort do Lago Park, houve um impulsionamento das vendas das frações imobiliárias.

Os planos do empresário é continuar a empreender no segmento de multipropriedade, com novos lançamentos e aquisições.

Empreendedor Nato


Antes de empreender no turismo e multipropriedade, Fabrício Marques já era um empresário de sucesso no ramo de shoppings populares Ele e um dos maiores gestores de empreendimentos do Brasil e especialista em reestruturação de empresas falidas, as transformando em companhias de grande êxito financeiro.

Natural de Goiânia/GO, iniciou sua trajetória nas ruas da cidade, quando começou a trabalhar muito novo, com apenas 09 anos de idade, fazeno “bicos” de engraxate no zoológico e na rodoviária, vendendo ovos na feira e entregando marmitas.

Com 16 anos, conseguiu um emprego na área comercial e rapidamente alcançou a impressionante marca de 50 para 500 clientes.

Ao saber que seria pai, e sentindo uma maior responsabilidade, começou também a comprar carros batidos para consertar e vender. O negócio acabou não dando certo e Fabrício perdeu as economias que conseguira juntar até então.

Foi quando aos 18 anos, maior de idade e com uma família para sustentar, resolveu ser camelô, e a partir daí iniciou-se sua meteórica carreira de sucesso. Revendendo calçados femininos na feira, acabou indo trabalhar também no local onde eram produzidos, aprendendo a fabricá-los.

Aos 20 anos, visionário, teve a ideia de locar um espaço para montar sua própria galeria na região da rua 44, hoje, uma famosa rua de Goiânia. Alugou um galpão e foi atrás dos maiores lojistas vender o conceito de terem um ponto no local, que já contava com feira, rodoviária, hotéis, ou seja, uma região que cresceria muito e rápido. Conseguiu negociar todo o local, deixando apenas um pequeno espaço para ele vender seus calçados. Assim, conseguiu juntar dinheiro e comprar a fábrica que trabalhava, chegando a ter mais de 100 funcionários.

Após um tempo, idealizou um camelódromo, conseguiu um parceiro investidor, construiu 400 bancas, fez um plantão comercial e vendeu tudo em 02 dias. Hoje, aquela pequena galeria tornou–se um grandioso comércio erguido com grandes parcerias e unido aos maiores empresários e personalidades do país.

#fabriciomarques #incorpore #multipropriedade #resortdolago

LOGO TC CDR W.png